“Paperman”, curta animado da Disney apresentado antes das sessões de “Detona Ralph” (Wreck It Ralph), conta  uma linda estória de um encontro improvável se torne uma linda história de amor que, apesar das distâncias, com uma forcinha, podemos ir atrás do que queremos. A animação foi premiada com o Oscar de Melhor Curta de Animação de 2013, no último domingo (24/02). Dirigido por John Kahrs, o curta conta com o melhor equilibrio entre arte, animação 2D e 3D, usando um estilo em preto e branco, sem qualquer locução e remontando a Nova Iorque dos anos 50.

A parte mais inusitada aconteceu ainda durante a premiação do Oscar: a produtora Kristina Reed foi escoltada pra fora do evento por ter comemorado jogando aviões de papel na platéia. tsc. Apesar de tudo, o episódio não arranhou a festa dos ganhadores pois, após protestos, ela retornou ao teatro. Assista o ganhador deste Oscar:

Arte conceitual de Paperman

E agora um bônus: “Paperman and the Future of 2D Animation” – apresenta as técnicas usadas no curta “Paperman” e como elas podem marcar o futuro da animação em 2D. Indo da mistura entre a ilustração tradicional,
camadas de animação 3D e a inserção de texturas. Uma obra de arte a cada segundo. Confira!

Aproveite e visite a página oficial do curta no Facebook: https://www.facebook.com/paperman