Triste notícia para todos os Whovians! A BBC confirmou que Matt Smith vai deixar Doctor Who durante o Especial de Natal de 2013, em um anúncio que põe fim a meses de especulações em torno do 11º Doutor a pilotar a TARDIS. O episódio final de Matt Smith irá regenerar seu personagem, mas seu sucessor continua sem um nome definido.

Entre idas e vindas nas declarações sobre a longevidade do atual Doutor na série, agora temos um período definitivo para o fim da paticipação na série. O ator comentou sua saída:

“Doctor Who tem sido a experiência mais brilhante para mim como ator e como pessoa, e que em grande parte se deve ao elenco, equipe e fãs da série. Estou muito grato a todos do elenco e da equipe que trabalham incansavelmente todos os dias, para realizar todos os elementos do show e entregar Doctor Who para o público. Muitos deles tornaram-se bons amigos e eu estou muito orgulhoso do que temos conseguido ao longo dos últimos quatro anos.

Matt Smith, o 11º Doutor

Matt Smith, o 11º Doutor

Tendo Steven Moffat como produtor, a escrever scripts de forma tão variada, engraçada e de torcer a mente, tem sido um dos maiores e mais gratificantes desafios da minha carreira. Foi um privilégio e um prazer trabalhar com Steven, ele é um bom amigo e vai continuar a moldar um mundo brilhante para o doutor.

Os fãs de Doctor Who em todo o mundo são diferentes de qualquer outro, pois eles abraçam o personagem, gritam o mais alto possível, saibem mais sobre a história do show (e especulam mais ainda sobre o futuro do show), de uma forma que eu nunca vi antes, sua dedicação é verdadeiramente notável. Muito obrigado por apoiar minha encarnação do Senhor do Tempo número onze. Estarei de volta para o 50º aniversário e o especial de Natal!

Tem sido uma honra fazer parte e seguir o legado de atores brilhantes, dirigir a TARDIS para um feitiço com ‘Ginger, Nose e o Impossible One’. Mas quando tenho que ir, tenho de ir e Trenzalore me chama. Obrigado a vocês. Matt.”

O extremamente talentoso Matt Smith, um ator que conseguiu o que parecia a muitos como o impossível ao manter o mesmo nível de carinho com o público que David Tennant. Steven Moffat também se pronunciou com a saída de Smith:

Doctor Who e Ginger

Doctor Who e Ginger

“Todos os dias, em cada episódio, Matt Smith me surpreendeu: a maneira como ele viraria uma linha, ou as mudanças, fazer algo engraçado ou do nada me fazer chorar. Eu nunca sabia o que estava por vir. O Doutor pode ser um palhaço e herói, muitas vezes, ao mesmo tempo, e Matt subiu para ambos os desafios magnificamente. E ainda melhor do que isso, dadas as pressões deste show extraordinário, que é uma das mais bonitas e com as mais dedicados profissionais que eu já tive o privilégio de conhecer. Tudo o que joguei em cima dele – às vezes literalmente – o seu comportamento sempre foi digno do Doutor.

Mas grandes atores sempre sabe quando é hora para que cortina se feche, de modo que, neste Natal prepare seus corações para quebrar, ao dissermos adeus ao número onze. Obrigado Matt.

É claro, este não é o fim da história, porque agora a pesquisa começa. Em algum lugar lá fora, neste momento – ignorante a tudo, cuidando da sua vida – alguém estará prestes a tornar-se o Doutor. A vida vai mudar, e Doctor Who vai nascer mais uma vez! Depois de 50 anos, isso ainda é tão emocionante!”

Fonte: Den of Geek